30-sai made Doutei dato Mahoutsukai ni Nareru Rashii, a história de um virgem de 30 anos que lê pensamentos!

Imagem, divulgação

Imagine chegar aos 30 anos de idade e nunca ter se relacionado com ninguém. Até que então sem mais nem menos você começa a ouvir pensamentos alheios ao tocar outras pessoas. Essa é a introdução de 30-sai made Doutei dato Mahoutsukai ni Nareru Rashii

Sinopse de 30-sai made Doutei dato Mahoutsukai ni Nareru Rashii 

No seu 30º aniversário, Adachi, ainda virgem, recebe um presente inesperado: a habilidade de ler a mente de qualquer pessoa que toque. Quando descobre acidentalmente os pensamentos carinhosos de seu colega Kurosawa, o charmoso galã da equipe de vendas, sobre ele, Adachi se vê diante de uma situação intrigante. Como ele irá reagir a esses sentimentos revelados?

30-sai made Doutei dato Mahoutsukai ni Nareru Rashii é o primeiro anime de qualidade descente no gênero BL

Finalmente um romance animado retirado dos quadrinhos japoneses de gênero BL que não se tornou uma péssima produção, muito pelo contrário! 30-sai made Doutei dato Mahoutsukai ni Nareru Rashii entregou algo que antes a gente só conseguia ver em animes de romance héteros. Uma qualidade, um sabor, um roteiro bem desenvolvido.

O gênero apelidado fora do Japão como Yaoi, é por lá como BL (Boys’Love) apesar de bem popular é também meio que um tabu para os japoneses que leem no off!

Imagem: Divulgação

Então, meio que faz sentido só agora em 2024 termos uma animação bem descente desenvolvida com o gênero. Sim existem outras, mas nenhuma delas coloca o mesmo empenho de 30-sai made Doutei dato Mahoutsukai ni Nareru Rashii.

Principalmente quando falamos de um anime que pede uma evolução e construção de personagens ao longo da trama, que não se baseia apenas no envolvimento romântico dos personagens, mas também em outras características mais profundas da personalidade e vida diária de Adachi e seu par romântico Kurosawa.

Além disso a qualidade nas imagens é sonoplastia traz todo um clima especial pro anime que pra mim se tornou uma degustação semanal. Sem dúvidas um dos melhores da última leva de animes que agora chegaram ao fim. 10/10!

Compartilhe o artigo!
Shareable URL
Post anterior

RE:MONSTER, anime traz nova perspectiva em gênero Isekai

Next Post

Rebel Wilson revela conflito com Adele em seu livro “Rebel Rising”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia o próximo