‘Conversas de Botiquim’ revive o popular samba/pagode dos anos 2000

Sabe aquela sensação de aos fins de semanas tomar uma cervejinha, jogar papo furado com os amigos e escutar um samba no radio FM bem animado. Isso é o que o cantor Dimá Gonçalves resgata em ‘Conversas de Botiquim’.

Imagem/reprodução: Spotify

‘Conversas de Botiquim’ Dimá Gonçalves se assemelha a mesmo tom de obras clássicas e populares do samba brasileiro

Este samba apresenta um vocabulário altamente acessível e comercial, caracterizado por uma estética semelhante às composições de Zeca Pagodinho. A canção é permeada por frases de efeito e ditos populares, frequentemente encontrados em críticas musicais e amplamente entoados em ambientes como bares e botequins.

Cito dois personagens reais e que realmente foram inspirações para essa composição. Neste fonograma temos o som do violão do grande músico Rafael dos Anjos, arranjador e violonista do cantor Diogo Nogueira.

Dimá Gonçalves

Tem muito mais samba ainda por vir

‘Conversas de Botiquim’ é só o início. O cantor Dimá já está se preparando para lançarem breve mais faixas ainda não divulgadas. Mas enquanto elas não chegam, borá dar streaming em quem já saiu!

Créditos de imagem: Foto: Reprodução/Instagram.

Compartilhe o artigo!
Shareable URL
Post anterior

“Sem querer, querendo” Nikolas Antunes libera vídeo saliente no Story do Instagram

Next Post

“Bad Idea Right?” Novo single de Olivia Rodrigo é uma ótima ideia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia o próximo