Em carreira solo, Agatha estreia seu primeiro disco autoral “Passatempo” 

A cantora e compositora carioca Agatha, acaba de lançar seu primeiro disco solo “passatempo“, trabalho autoral que chega acompanhado de um projeto visual composto por clipes, que estarão disponíveis nos próximos dias, e um futuro curta-metragem completo que carrega a história do álbum. Distribuído pela Tunecore, “passatempo” já está disponível em todas as plataformas digitais. 

Composto por sete faixas, a narrativa das composições do disco fala sobre os altos e baixos da vida, do amor, do caos, da dor e como o tempo é o espectador das nossas histórias. A história do projeto musical e visual se passa durante uma semana na vida de Agatha e é contada sob a perspectiva da protagonista, porém com interferências de um diálogo interno com a sua consciência. 

As primeiras ideias e inspirações para este trabalho começaram a surgir ainda em Junho do ano passado, quando a cantora começou a escrever as primeiras composições. “Não tinha nem ideia do que isso iria se tornar. Ao longo do tempo, fui amadurecendo o pensamento de já começar a carreira solo com uma obra, um projeto inteiro – e todo mundo que trabalhou comigo nele abraçou essa ideia de primeira”, ela conta. 

Com a ajuda do produtor musical Mati, de Porto Alegre e após uma viagem da artista até a cidade do Rio Grande do Sul para uma semana intensa de criação, Agatha volta às suas raízes bedroom pop, alt, folk e indie e busca trazer uma nova cara para o pop com o disco. Os singles “juízo”, “dose de você” e “se passar das 3” anteciparam a chegada do álbum e deram um gostinho do que estava para vir. 

Confira a tracklist de “Passatempo”:

intro
juízo
derretida
dose de você
perdedora
se passar das 3
efeito dominó 

Videoclipes e curta-metragem

Para marcar a estreia solo, “passatempo” é um projeto completo. Cada canção conta com um videoclipe e histórias que se completam. Os clipes de “juízo“, “dose de você” e “se passar das 3“, já estão disponíveis no YouTube da artista. As próximas canções recebem seus respectivos visuais na próxima semana.

Além disso, o disco também se transforma em um curta-metragem completo, que ainda não possui data definida para o lançamento. “Eu, como cineasta e diretora criativa, não poderia deixar esse projeto passar sem um produto audiovisual à altura. Desenhei um roteiro, compartilhei com Catherine, que dirigiu esse projeto visual comigo e escrevemos um curta-metragem inteiro. Foi em formato de um filme musical, onde os clipes entram na narrativa da história”, afirma Agatha. 

Show em São Paulo

Após o lançamento nas plataformas digitais, Agatha leva o novo álbum ao palco pela primeira vez em São Paulo, no próximo dia 03 de novembro. No Nectar Fest Halloween, festival de arte e música independente. O evento na capital paulista acontece no Capim Limão Bar, a partir das 19h. Para mais informações, clique aqui! 

O show também marca a primeira apresentação solo da nova era da carreira da artista. Sobre a expectativa para o evento, ela afirma: “Desde criança eu falo que sou muito mais artista de palco do que de estúdio. Então poder trazer o álbum pro ao vivo tão cedo é um sonho! Temos essa estreia em São Paulo no dia 3 de novembro que vai ser um primeiro gostinho do que é o show da Agatha, que já tá tudo pronto inclusive! Os fãs de SP são muito carinhosos e animados, acredito que vai ser uma daquelas noites que vai ficar marcada na memória. Podem esperar o álbum completo, momento acústico que eu sei que a galera ama, alguns covers e mais algumas surpresinhas”, finaliza.

Serviço: 

Data: 03/11
Horário: a partir das 21h
Endereço: Rua Fradique Coutinho, 1004 Pinheiros
Ingressos: Garanta o seu aqui!

Sobre Agatha: 

Agatha é uma artista multifacetada carioca de 26 anos. Há 10 anos começou sua carreira na música como cantora de voz e violão nos barzinhos e fazendo covers para internet. Foi assim até o ano de 2018, onde cruzou caminhos com amigos artistas, cantores, compositores e produtores e firmou seu primeiro projeto, a banda MTK. Foram 4 anos de collabs, feats, tours e hits na conta com o potencial viral das músicas da banda onde cantava e escrevia, incluindo a faixa “Idas e Vindas”que é um fenômeno nas redes até hoje. 

Em meados de 2022, com ofinal da MTK, deu início à sua carreira solo e vem aparecendo no mercado com participações em faixas com amigos. Assinando composições em outros projetos e desenvolvendo seu álbum debut “passatempo”, já disponível nas plataformas digitais. 

Nessa nova fase, Agatha volta às suas raízes bedroom pop, alt, folk e indie. Promete trazer uma nova cara para Pop com suas letras bem humoradas e melancólicas. Junto disso, leva na mala seus mais de 110 milhões de streams de áudio vídeo que colecionou nos últimos anos e toda uma experiência como cineasta e diretora criativa, formada em cinema e especializada em videoclipes. 

Agatha vem pra cantar em suas músicas as palavras que nunca conseguiu dizer e fazer barulho na cena musical com sua espontaneidade e alto astral.

Créditos de imagem: @mclima.jr.


Descubra mais sobre Portal PLOP

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Compartilhe o artigo!
Shareable URL
Post anterior

Saída de Rachel Sheherazade faz PlayPlus despencar em assinaturas

Next Post

SØR4 e KARNIVAL: voando alto com ‘Aves de Rapina’

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia o próximo

Descubra mais sobre Portal PLOP

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading